Seguidores

segunda-feira, 25 de novembro de 2013

Após 36 anos, sonda Voyager 1 enfim chega ao espaço interestelar


Após meses de discussões, os cientistas finalmente concordam que a Voyager 1, da NASA, se tornou o primeiro objeto feito pelo homem a deixar o sistema solar. E só levou 36 anos para cumprir a longa jornada de 19,3 bilhões de quilômetros.
Este é, obviamente, o maior marco da exploração espacial, o que provavelmente explica o cuidado dos cientistas em discutir, por meses, se a Voyager 1 havia de fato cruzado o limiar do sistema solar rumo ao espaço interestelar. No fim das contas, tudo se resolveu com o plasma em torno da nave. Depois que uma rajada de vento solar e campos magnéticos fez o plasma ao redor da nave oscilar em abril, pesquisadores notaram que o plasma estava, também, 40 vezes mais denso naquele ponto do que quando ele estava na heliosfera. Este foi um sinal de que a Voyager 1 havia entrado no espaço interestelar, e a equipe, por fim, determinou que a nave cruzou essa linha no dia 12 de agosto do ano passado. (Ouça o som do espaço interestelar abaixo.)
“A Voyager foi, audaciosamente, onde nenhuma sonda jamais foi antes, cravando uma das conquistas tecnológicas mais significantes nos anais da história da ciência e acrescentando um novo capítulo nos sonhos e esforços científicos da humanidade,” disse o administrador associado para ciência da NASA John Grunsfeld. “Talvez alguns exploradores do espaço profundo do futuro conseguirão alcançar a Voyager, nosso primeiro enviado interestelar, e refletir sobre o quanto essa intrépida nave ajudou a possibilitar sua própria viagem.”
Nesse meio tempo, todos os olhos se voltaram para a Voyager 2, que está no encalço da sua irmã, acelerando forte rumo ao espaço interestelar. (“No encalço,” dentro desse contexto, significa 3,21 bilhões de quilômetros.) De qualquer forma, agora a Voyager está a caminho de outra estrela. Na velocidade atual, cerca de 160 mil km/h, isso levará apenas 40 mil anos.



0 comentários:

Não deixe de ler

Veja também

Ocorreu um erro neste gadget

Visitantes recentes